Elevator Pitch | Prémios
16148
page,page-id-16148,page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-7.9,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.1,vc_responsive
 

Prémios

A Representação da Comissão Europeia atribui dois prémios:

• Prémio “Elevator Pitch – IdeiasQueMarcam”, de 6.000 euros.

• Prémio especial “Democracia Digital”, de 4.000 euros, ao projeto que mais se distinga no âmbito da capacitação cívica e democrática com base na utilização de novas tecnologias e soluções inovadoras.

Para além disso, toda a formação e acompanhamento especializado que as equipas selecionadas recebem durante o concurso constituem também um valor acrescentado para os seus projetos.

BOLSA-DO-EMPREENDEDORISMO-47

Prémios

Prémios “Elevator Pitch – Ideias que marcam”:
• 6.000€,  vencedor prémio “Bolsa do Empreendedorismo”;
• 4.000€, prémio especial “Democracia Digital”;
• Bootcamp para 12 Equipas;
• Coaching para 12 Equipas;
• Pitch Review para 12 Equipas.

Com base na rede de parceiros e interlocutores da Representação de Comissão Europeia em Portugal, outros prémios e benefícios oferecidos por parceiros, após a fase final do concurso:

 

DNA Cascais

a 1 projeto finalista do concurso, mediante avaliação do DNA Cascais:

  • Incubação Virtual: 1 ano de incubação virtual gratuita, no montante de 590,40€;
  • Apoio à elaboração e acompanhamento do Plano de Negócios;

GPPQ

aos 12 projetos finalistas do concurso:

  • Mentoria enquadramento fundos europeus;

Incubadora Empresas da Figueira da Foz

a 2 projetos finalistas do concurso, que desenvolvam atividades na área da economia do Mar, mediante avaliação da IEFF:

  • Acesso a 6 meses de Incubação Física;
  • Acesso a eventos e serviços internos;

Incubadora IRIS

aos projetos finalistas do concurso que sejam originários da região do Tâmega e Sousa, mediante avaliação da Incubadora IRIS:

  • Incubação ou Incubação Virtual, durante 6 meses; inclui acesso a:
    • Espaço de Trabalho Partilhado, constituído por: sala de trabalho partilhada equipada (coworking e salas específicas para equipas), sala de reuniões, espaços de convívio. Condições logísticas: wifi, climatização na zona coworking, acesso a espaços comuns do IET (ex. Salas de Formação, Receção);
    • Capacitação: Possibilidade de participação nas atividades de capacitação promovidas, designadamente: formações, workshops, encontros temáticos e programa de aceleração;
    • Rede de Especialistas: Acesso a especialistas em diversas áreas (ex. jurídica, financeira, marketing, fiscal, entre outras), de acordo com as necessidades e plano de ação do Projeto;
    • Redes: (1) parceiros locais (ex. possibilidade de acesso a instituições e organizações locais que apoiem fases piloto ou disseminação de iniciativas) e (2) rede de inovação social (acesso a uma rede regional, nacional e internacional de contactos ligados à inovação social);
    • Investimento Social: contribuir para o acesso a potenciais investidores sociais, do sector público e privado, nacionais e internacionais;
    • Divulgação nacional e internacional: através das redes sociais e meios de divulgação da IRIS, promovendo o aumento da visibilidade do projeto;

Instituto Empresarial do Tâmega – IET

ao melhor projeto finalista na área da indústria, mediante avaliação do IET:

  • Acesso ao programa Start Industry 4.0 a decorrer em julho em Amarante, com oferta de 3 bolsas de estudo integrais;

Nonagon – Parque de Ciência e Tecnologia São Miguel

a 1 projeto finalista do concurso, mediante avaliação do Nonagon:

  • Incubação Virtual, durante 6 meses;

NOVA Empreendedorismo

aos 12 projetos finalistas do concurso:

  • Acesso programa “Plugged In NOVA;

NOVA Madan Parque

a 2 projetos finalistas do concurso, mediante avaliação do Madan Parque:

  • Incubação Virtual e Mentoria, durante 6 meses;

Plataforma PPL Crowdfunding

a 1 projeto finalista do concurso, mediante avaliação do PPL Crowdfunding:

  • Voucher de Serviços “VIP PPL Crowdfunding”;
  • Acesso direto à plataforma de crowdfunding, acompanhamento personalizado, destaque preferencial no site PPL e divulgação direta e personalizada do projeto;

Quarteirão das Artes

a 2 projetos finalistas do concurso, que desenvolvam atividades na área da Indústria Criativa, mediante avaliação do Quarteirão das Artes:

  • 6 meses de Incubação em Co-Work;
  • Acesso a eventos e serviços internos;

Startup Braga

aos projetos finalistas do concurso que sejam da região do Norte de Portugal e cujas atividades se desenvolvam nas áreas mobile, e-commerce, medtech e nanotech, mediante avaliação da Startup Braga:

  • Espaço de trabalho nas áreas comuns;
  • Acesso a eventos e workshops internos;

UL TEC LABS

ao melhor projeto de base tecnológica na lista dos 12 finalistas, mediante avaliação da UL Teclabs:

  • Incubação Virtual, durante 6 meses;

IPN Coimbra

ao melhor projeto finalista do concurso, de base tecnológica, ligado à região de Coimbra:
  • Incubação virtual, durante 3 meses

Startup Madeira

aos 12 finalistas do concurso:
  • Incubação virtual, durante 3 meses (utilização válida apenas em 2018)

IES-Social Business School

Ao melhor projeto finalista do concurso com uma ideia com impacto, mediante avaliação do IES-SBS,
  • Uma bolsa de acesso ao Bootcamp powered by INSEAD;

SANJOTEC

Aos projetos finalistas do concurso,
  • Incubação Virtual e Mentoria, durante 6 meses;

BETA-i

Ao projeto vencedor,
  • Acesso ao #LIS18 – Lisbon Invest Summit.
Arquivo 2016